Subida do rating é «fruto do trabalho dos portugueses» - XXI Governo - República Portuguesa

Notícias

2017-12-16 às 19h59

Subida do rating é «fruto do trabalho dos portugueses»

O Primeiro-Ministro, António Costa, referiu que o facto de a agência de notação financeira Fitch ter subido dois níveis o rating de Portugal - que deixou de ser considerado lixo e passou a ter um grau de investimento de qualidade - não é «fruto de milagres».

«Estes resultados são fruto do trabalho dos portugueses, do investimento dos empresários, e da forma como o Estado tem sabido implementar boas políticas», sublinhou António Costa, em Figueiró dos Vinhos.

O Primeiro-Ministro e os Ministros Adjunto, Pedro Siza Vieira, e do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, visitam nos dias 16 e 17 de dezembro a zona Centro com o objetivo de se inteirarem das operações de reconstrução das regiões afetadas pelo incêndio de junho.

Realçando que a situação do País é completamente distinta da realidade vivida em 2011, António Costa afirmou: «Hoje, temos uma situação de crescimento sustentado, redução sustentada do desemprego, e controlo do défice e redução da dívida».

«Esta redução da taxa de juro vai ter impacto nos empréstimos que o País paga, mas temos, sobretudo, de nos concentrar em dar continuidade às boas políticas que têm permitido estes resultados. Por isso, é importante continuarmos a fazer um bom trabalho», concluiu.