Saltar para conteúdo

Notícias

2019-05-06 às 19h57

Rede de Bibliotecas Escolares e Plano Nacional de Leitura são «instrumentos fundamentais»

O Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, afirmou que a Rede de Bibliotecas Escolares e o Plano Nacional de Leitura são dois «instrumentos de política absolutamente fundamentais».

Na Cidade da Praia, em Cabo Verde, no final da cerimónia de assinatura da declaração de intenções conjunta relativa à implementação dos dois instrumentos em Cabo Verde, o Ministro destacou a sua importância na promoção da diminuição do abandono escolar e da retenção e no aumento do sucesso escolar.

Tiago Brandão Rodrigues referiu estes dois instrumentos estão a dar os primeiros passos em Cabo Verde e reiterou a vontade de Portugal continuar a cooperar com o parceiro africano «como até aqui».

O Ministro sublinhou a contribuição para o aumento dos níveis de leitura e para a maior robustez como que se tem combatido o abandono escolar, garantindo a diminuição do abandono escolar e da retenção.

«Este legado ensina-nos como fazer melhor, eventualmente a não cometer erros que possamos ter feito e é nessa parceria que acreditamos que Cabo Verde vai aumentar e melhorar as bibliotecas que já tem», disse.

O documento assinado prevê a assinatura, a curto prazo, de um instrumento de cooperação bilateral que enquadre e potencie a cooperação entre os dois países no âmbito da Rede de Bibliotecas Escolares e do Plano Nacional de Leitura.

A colaboração começou em 2017 mas o objetivo desta declaração é garantir um maior dinamismo, operacionalidade e enquadramento legal.