Saltar para conteúdo

Notícias

2019-06-04 às 11h46

Portugal com «participação inestimável em algumas das grandes agendas das Nações Unidas»

Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva
O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, afirmou que «a presença muito forte e sempre pautada por uma grande capacidade» das Forças Armadas portuguesas é reconhecida na Organização das Nações Unidas (ONU), em declarações à agência Lusa na sede da ONU em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

O Ministro acrescentou que existe também «um grande respeito das forças portuguesas pelas populações locais e pelos valores humanistas das Nações Unidas nas missões de paz», a que se junta «a participação inestimável em algumas das grandes agendas das Nações Unidas», de que são exemplo o clima, os oceanos e o desenvolvimento sustentável.

Augusto Santos Silva reuniu-se com o Secretário-Geral da ONU, António Guterres, num encontro centrado nas situações da Guiné-Bissau e da Venezuela.

O Ministro congratulou ainda o Presidente eleito da 74.ª sessão da Assembleia-Geral da ONU, o nigeriano Tijjani Muhammad-Bande, que assumirá funções em setembro.

«Todos os representantes da ONU têm provas da participação absolutamente clara, transparente e convicta com que Portugal está nas Nações Unidas e defende o multilateralismo», disse Augusto Santos Silva, referindo que, «qualquer que seja o Secretário-Geral das Nações Unidas e o interlocutor do lado do Estado português, a mensagem é sempre a mesma».

E concluiu, lembrando que, «já quando era Ministro da Defesa, com quem quer que fale e onde quer que esteja, só ouço as pessoas pedirem mais participação portuguesa, tal é a qualidade dos nossos homens e mulheres que realizam as missões de paz». O caso da República Centro-Africana é exemplo disto mesmo.