Saltar para conteúdo

Notícias

2019-07-19 às 15h32

Ministro Adjunto e da Economia defende pacto de regime para o desenvolvimento do interior

Ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, no debate «Importância do Mercado Transfronteiriço como Alavanca de Desenvolvimento Territorial», Castelo Branco, 19 julho 2019
O Ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, referiu a importância de um pacto de regime para o desenvolvimento do interior, para inverter a tendência de quebra demográfica nestas regiões.
 
Numa declaração à comunicação social, em Castelo Branco, Pedro Siza Vieira afirmou que é fundamental a «continuidade de políticas» para que se corrija esta tendência que persiste há décadas. 
 
O Ministro - que participou num debate intitulado «Importância do Mercado Transfronteiriço como Alavanca de Desenvolvimento Territorial» - deu como exemplo a aplicação de benefícios fiscais à interioridade, mas relembrou que esta é uma medida que o Governo propôs no Orçamento do Estado, mas que a Assembleia da República não aprovou.
 
Pedro Siza Vieira afirmou ainda que é importante que os partidos tomem decisões a respeito «da distribuição de recursos».
 
«Se não houver continuidade de políticas, é muito difícil mudar uma situação que é estrutural. Só se mudam situações estruturais se se mantiver consistência ao longo de varias legislaturas», disse ainda.