Saltar para conteúdo

Notícias

2019-07-18 às 15h26

Desigualdade de género no ensino superior analisada num projeto trianual

A Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, participou na apresentação do projeto que estudará as dimensões da desigualdade de género nas instituições do ensino superior em Portugal.

«Desde logo a questão da fraca e reduzida participação de mulheres nos cargos de liderança, não obstante termos uma nova lei que obriga as entidades a delinear uma representação equilibrada» de 40% de paridade nos órgãos de governação e de gestão, disse a Secretária de Estado, em declarações à agência Lusa.

Intitulado GE-HEI (sigla em inglês para Igualdade de Género nas Instituições de Ensino Superior), este projeto tem como objetivo compreender por que razão, apesar de haver cada vez mais alunas, professoras e investigadoras, há uma fraca representação feminina na liderança dos centros de investigação e no ensino superior.

«O projeto visa construir ferramentas concretas que permitam analisar e promover esta maior representação e facilitem a inclusão de critérios de igualdade nas grelhas da Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior», referiu Rosa Monteiro.

A Secretária de Estado sublinhou que esta é uma dimensão muito importante para que, na avaliação dos cursos ou dos departamentos, haja critérios relacionados com a igualdade de género.

Por outro lado, Rosa Monteiro lembrou a questão da integração das questões de igualdade de género nos curricula, o que «é um défice em áreas fundamentais, como Medicina, Direito e Psicologia».

«Este projeto vai ainda servir para olhar, não apenas questões relativas às instituições como entidades empregadoras, mas também no trabalho que fazem contra fenómenos como a violência no namoro ou o racismo», acrescentou a Secretária de Estado.

Com a duração de três anos, no final este projeto deve englobar recomendações especificas para as várias áreas analisadas - por exemplo, sobre os curricula dos vários cursos para a integração da perspetiva da igualdade de género naquilo que é ensinado.

Este projeto será desenvolvido pelo Centro Interdisciplinar de Estudos de Género do ISCSP-UL em parceria com o seu congénere da Universidade da Islândia e com a Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior e é financiado pelo Programa Conciliação e Igualdade de Género dos EEA Grants.