Saltar para conteúdo

Intervenções

2019-03-29 às 19h24

Intervenção da Secretária de Estado da Cultura no lançamento do livro «As necrópoles romanas do Algarve»

As necrópoles romanas do atual Algarve foram, durante muito tempo, alvo de interesse não apenas de profissionais da arqueologia mas de muitos amadores e curiosos. Estes locais arqueológicos permaneceram, no entanto, sem um estudo de fundo que permitisse uma análise global sobre os espaços funerários nesta região.  Por isso, a obra que hoje se apresenta assume particular relevância.

O trabalho de Carlos Pereira representa um enorme esforço de compilar toda a informação disponível desde o século XIX - com Estácio da Veiga até ao presente - sobre as necrópoles romanas da região do Algarve. 

Mas não se fica por um mero trabalho de compilação. Revisita toda a informação e artefactos levantados ao longo de mais de 130 anos de investigação, e estuda-os e interpreta-os à luz das novas tendências da investigação científica. 

A informação que se tinha da esmagadora maioria desses sítios - que era lacunar, dispersa e, frequentemente, contraditória - é agora apresentada e disponibilizada com todo o seu potencial informativo.

Quero, por isso, deixar desde já os parabéns ao autor e a todos os que contribuíram para a edição desta obra. Este trabalho de divulgação do património é fundamental para a sua valorização, salvaguarda e reabilitação.

Importa referir que a edição, pela Imprensa Nacional Casa da Moeda, com o apoio de múltiplas entidades da área da cultura e de sete autarquias algarvias, demonstra que, apesar do seu âmbito regional, se trata de um estudo de interesse mais alargado, podendo mesmo assumir-se como uma referência da arqueologia portuguesa. 

Leia a intervenção na íntegra
Tags: arqueologia