Saltar para conteúdo

Comunicados

2018-12-18 às 8h46

Indicadores de integração de imigrantes - relatório estatístico anual 2018

Portugal teve, em 2017, um saldo migratório positivo (+4.886), invertendo a trajetória de declínio que se verificou desde 2010. Significa isto que o número de imigrantes (36 639, +22% do que em 2016) foi superior às pessoas que saíram do país (31 753, -17% do que em 2016). A população estrangeira com títulos de residência voltou a ultrapassar os 400 mil indivíduos, traduzindo um crescimento face ao ano anterior de +6%, vivendo em Portugal 421.711 cidadãos/ãs estrangeiros/as, o que representa 4,1% do total de residentes do país. 

«Para além deste aumento de população estrangeira, o Relatório Estatístico Anual 2018 do Observatório das Migrações (OM), hoje apresentado, dá conta de um conjunto de indicadores que sustentam uma análise muito positiva da contribuição das pessoas imigrantes para o país e dos impactos das políticas migratórias de integração que prosseguimos. Destaca-se muito positivamente a contribuição das pessoas imigrantes ao nível da natalidade, do aumento das suas habilitações, qualificações e empreendedorismo, bem como do balanço financeiro positivo de 514,3 milhões de euros de contribuições para a segurança Social, em 2017», refere a Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro.