Saltar para conteúdo
Histórico XXIII Governo - República Portuguesa Voltar para Governo em funções

Notícias

2022-10-28 às 19h01

Comissária Europeia para os Assuntos Internos elogia «papel construtivo» de Portugal

Ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, recebe Comissária Europeia para os Assuntos Internos, Ylva Johansson, Lisboa, 28 outubro 2022
O Ministro da Administração Interna recebeu a Comissária Europeia para os Assuntos Internos, Ylva Johansson, a quem disse que as mudanças ao nível do sistema de segurança interna e na gestão integrada de fronteiras irão «robustecer a capacidade de acolhimento e integração» de migrantes que chegam ao país, proporcionando um maior respeito pelos direitos humanos destas pessoas.
 
«A Comissária Europeia tem a garantia de Portugal de que nós acompanhamos a Comissão Europeia nesse duplo objetivo: garantir a solidariedade àqueles que procuram a Europa, tratando de os acolher com respeito pelos direitos humanos e pelos direitos sociais fundamentais, ao mesmo tempo que reforçamos a gestão integrada de fronteiras», disse José Luís Carneiro, sublinhando que «a integração das competências do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras na PSP, GNR e PJ, além da criação da Agência para as Migrações e para o Asilo, «permite ir ao encontro dos objetivos das Nações Unidas e da União Europeia nestes domínios».
 
Na declaração conjunta após a reunião, a Comissária Europeia destacou as reformas que Portugal está a efetuar no âmbito da segurança, das fronteiras e das migrações, elogiando o «papel construtivo» do país sobre estes temas a nível europeu.
 
«Falámos hoje de reformas importantes que Portugal tem em curso no que toca a migrações, asilo, integração e proteção de fronteiras, mas também no que diz respeito à coordenação entre as diferentes forças policiais. Entendo que está muito ocupado com estas reformas, que representam sempre muitos desafios, mas penso que está a fazer grandes progressos e que está no caminho certo», disse a Comissária.
 
Ylva Johansson apontou o Ministro como «um dos melhores parceiros» no Conselho de Justiça e Assuntos Internos da União Europeia e sublinhou ainda a colaboração de Portugal.
 
«Temos trabalhado muito bem juntos no Conselho em tópicos importantes como segurança, migrações e proteção de fronteiras. Portugal tem desempenhado um papel bastante construtivo, especialmente graças ao seu empenho pessoal, que tem ajudado a uma atmosfera construtiva e onde temos feito progressos significativos no novo Pacto para as Migrações e Asilo», vincou. 
 
«Temos de gerir juntamente com os nossos parceiros de países terceiros, em solidariedade para com as pessoas em situação vulnerável e a precisarem de proteção e com solidariedade entre os estados-membros. Esta é a atitude certa e estou agradecida a Portugal pelo papel importante e construtivo que tem tido», concluiu Ylva Johansson.