Saltar para conteúdo

Comunicados

2023-03-23 às 12h31

240 oficiais de registo e 50 conservadores integram os serviços do registo em 2023

Os serviços do Registo vão ser reforçados com 240 novos oficiais de registo e 50 novos conservadores, já em 2023. 

Este é o primeiro processo de recrutamento para o Instituto dos Registos e do Notariado, I.P. (IRN) em 23 anos e integra um compromisso plurianual de contratação de novos trabalhadores para estas carreiras especiais, que se estenderá aos próximos anos e a todo o território nacional.

O reforço dos recursos humanos na área dos Registos foi uma prioridade assumida pela atual equipa governativa da Justiça logo no início do mandato e toma agora forma com a abertura dos primeiros procedimentos concursais de recrutamento ainda no primeiro semestre de 2023, prevendo-se que estes profissionais possam integrar os serviços até ao final deste ano. 

Tratando-se de um procedimento urgente, o IRN vai recorrer a um modelo de recrutamento mais célere e inovador. Será desenvolvido, em articulação com a academia, um plano de formação focado em matérias relacionadas com gestão, organização, tecnologia, liderança e sustentabilidade, pretendendo-se que a integração destes novos trabalhadores possa reforçar também o processo de mudança e inovação organizacional em curso nos serviços do Registo. 

A primeira fase de formação irá conjugar a componente teórica com a componente de formação ‘on the job’, que permitirá aos novos oficiais de registo e conservadores contactarem com os novos sistemas e aplicações disponíveis. 

Somando-se as contratações em curso de 25 técnicos superiores no quadro do PRR e de assistentes técnicos no âmbito das parcerias estabelecidas com os municípios, o IRN será reforçado, ao longo deste ano, com mais de três centenas de trabalhadores.

Áreas:
Justiça