Saltar para conteúdo

Notícias

2020-06-24 às 15h11

Selo Clean & Safe soma mais de 17 mil aderentes em apenas dois meses

Desde a sua criação, há dois meses, são já mais de 17 mil os aderentes ao Selo Clean & Safe que reconhece o cumprimento das recomendações da Direção-Geral da Saúde e os procedimentos seguros para o funcionamento das atividades turísticas. 
 
A iniciativa foca na confiança necessária para a Retoma, do lado da procura mas também da oferta, e abrange toda a cadeia de valor do turismo envolvendo áreas e atividades que vão do Alojamento Local aos Empreendimentos Turísticos, Empresas de Animação Turística, Restaurantes, Agências de Viagens e Turismo, Rent-a-Car, passando também pelos Postos de Turismo, Campos de Golfe, Museus, Casinos e Bingos, Palácios, Monumentos & Sítios, Áreas de Serviço de Autocaravanas e Aeroportos.
 
A Secretaria de Estado do Turismo, Rita Marques, e o Turismo de Portugal continuam a trabalhar com todas as associações do setor e outras complementares, bem como com as entidades com competências sobre as atividades relacionadas com o turismo, para que mais atividades possam vir a aderir ao Selo Clean & Safe. Ainda esta semana, a iniciativa será alargada a empresas organizadoras de eventos e congressos, recintos de espetáculos. Em breve também as termas poderão aderir ao selo.  
 
Também a Plataforma Clean & Safe (portugalcleanandsafe.com) tem despertado grande adesão e, à medida que as empresas retomam a sua atividade, o número de interações sobre o grau de confiança relativamente ao cumprimento das medidas de higienização e limpeza tem crescido, contabilizando mais de 8 mil acessos em apenas duas semanas de funcionamento.
 
A avaliação dos clientes, através desta Plataforma, é um dos indicadores utilizados pelo Turismo de Portugal para a realização de vistorias aleatórias às empresas e serviços aderentes, em articulação com as autoridades competentes e com as associações representativas das atividades abrangidas.
 
A Secretária de Estado do Turismo salientou que «o sistema de avaliação delineado é claramente robusto e, mais uma vez, somos pioneiros, aliando dois grandes desafios do turismo do futuro – a segurança nas condições sanitárias e o digital. Promovemos assim um ambiente em que o digital contribui para a regulação, para alterações positivas das práticas e hábitos no turismo. Também promovemos uma atitude cada vez mais ativa e participativa por parte dos clientes». 
 
De adesão gratuita, o selo Clean & Safe mantém-se válido até 30 de abril de 2021. O Turismo de Portugal promove a formação necessária às empresas para a implementação das medidas associadas, tendo já assegurado a formação de mais de 20.000 pessoas.
 
O Clean & Safe foi também a base da distinção pelo WTTC a Portugal com o selo Safe Travels.