Saltar para conteúdo

Notícias

2020-12-11 às 19h07

«Nunca faltou financiamento para uma boa ideia»

Ministros da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor e da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, no Instituto Politécnico de Coimbra, Oliveira do Hospital, 11 dezembro 2020
A Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, e o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, visitaram a Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTGOH), uma unidade orgânica do Instituto Politécnico de Coimbra instalada em Oliveira do Hospital desde 1999. 

«Esta visita vem sublinhar a importância da rede dos politécnicos para a coesão territorial destes territórios. O Ensino Superior tem um papel decisivo na formação da comunidade, mas é também uma força dinamizadora de desenvolvimento regional», afirmou Ana Abrunhosa.

Tanto os autarcas presentes como os responsáveis pelo Politécnico de Coimbra e pela Escola de Oliveira do Hospital agradeceram ao Governo as políticas de fixação de alunos longe dos grandes centros urbanos, tendo tambem referido os novos programas que permitem aos jovens do litoral receberem bolsas para estudar, desenvolver pequenos projetos de investigação, mestrados ou doutoramentos, em territórios do Interior.

Apesar da constante adaptação da oferta educativa e de uma elevada taxa de empregabilidade dos seus cursos, a ESTGOH enfrenta vários desafios: precisa de novas instalações e de residências para o crescente número de alunos.

«Temos de ter condições para a comunidade educativa e esta visita mostrou-nos que o Politécnico de Coimbra precisa de uma escola nova em Oliveira do Hospital», disse a Ministra aos jornalistas no final da visita, lembrando que «os fundos europeus existem, não para os edifícios, que são instrumentais, mas para que, através deles, possa haver ensino de qualidade, projetos com empresas e centros de investigação». 

Ana Abrunhosa e Manuel Heitor sublinharam que para um bom projeto, para uma boa ideia, nunca faltou financiamento. E congratularam-se por haver vontade de mudar a escola para um local mais central, destacando a importância dos cursos aqui lecionados para as empresas da região, e não só. 

«Recordamos que o Politécnico de Coimbra muito ajudou a comunidade numa fase inicial da pandemia, ao realizar testes à Covid-19», disse a Ministra.

Em Oliveira do Hospital, os Ministros visitaram ainda o Campus de Tecnologia e Inovação, o BLC3, que desde 2011 promove investigação de excelência, e o Laboratório Colaborativo CECOLAB, que aposta na economia circular.

«Os laboratórios colaborativos, uma construção do senhor Ministro da Ciência, estimulam uma parceria entre o conhecimento, as empresas e a comunidade. São os melhores exemplos da aplicação de verbas públicas», afirmou Ana Abrunhosa, acrescentando que «se não fossem estes projetos, hoje não teríamos pessoas do Bangladesh a escolher Oliveira do Hospital para viver ou trabalhar. Mais importante que tudo, a terem trabalho qualificado, que valoriza e desenvolve o conhecimento».