Saltar para conteúdo

Notícias

2021-01-13 às 13h46

Primeira emissão de dívida de 2021 foi «executada com elevado sucesso»

«A primeira emissão de obrigações do tesouro deste ano foi executada com elevado sucesso, mantendo uma perspetiva de regularidade na colocação de dívida em mercado primário e proporcionando liquidez à curva de dívida pública da República», declarou o Gabinete do Ministro das Finanças acerca da colocação de 1250 milhões de euros em dívida pública a cerca de 10 e 15 anos pela Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP). 

«O sucesso do leilão de hoje vem comprovar o trabalho e a estratégia que Portugal tem conseguido executar no atual contexto e também aproveitar a atuação do Banco Central Europeu», referiu.

A declaração sublinha que «o valor baixo de juros e os prazos mais longos alcançados permitirão assumir menos encargos com a dívida e um alongamento das amortizações futuras de dívida».

Foram colocados 500 milhões de euros em Obrigações do Tesouro com maturidade a cerca de 10 anos à taxa de juro de -0,012%, bastante inferior à registada na emissão anterior. A procura foi de 1511 milhões de euros, mais de três vezes o montante colocado. 

Com maturidade a cerca de 15 anos, Portugal colocou 750 milhões de euros à taxa de juro de 0,319%, inferior à registada na emissão de dívida pública anterior, tendo a procura atingido 1911 milhões de euros, 2,55 vezes o montante colocado.
Tags: dívida, mercados
Áreas:
Finanças