Saltar para conteúdo

Intervenções

2020-11-13 às 17h31

Intervenção do Ministro da Defesa Nacional na cerimónia de tomada de posse do Vice Chefe do Estado-Maior da Força Aérea

Tenho muito gosto em estar hoje aqui no Ministério da Defesa Nacional, na tomada de posse do Sr. TGEN Rafael Martins nas funções de Vice-CEMFA.

O momento atual que vivemos, no nosso país e no mundo, coloca-nos grandes exigências e requer de nós a maior dedicação e energia. É neste quadro sombrio que a nossa Força Aérea continuará a ser chamada a cumprir as importantes missões que, todos os dias, mobilizam as mulheres e os homens que servem nas suas fileiras.

Falamos naturalmente do patrulhamento do nosso espaço aéreo ou o espaço aéreo dos nossos aliados, falamos também da resposta à pandemia, ou do combate aos incêndios rurais e falamos, claro, no apoio aos arquipélagos dos Açores e da Madeira, que representa um contributo determinante para a coesão territorial do nosso país. A Força Aérea tem sido, e continuará a ser um pilar fundamental para o nosso país.

Ainda há poucos dias, ouvi o Secretário-Geral Adjunto da ONU para as operações de paz referir que o contributo de Portugal no Mali, através da presença da 63 militares e uma aeronave C-295M, é prova importante do compromisso do nosso país com as Nações Unidas, e com a paz neste país que é crucial para a estabilidade africana, o que tem consequências para a Europa e o Atlântico.

Leia a intervenção na íntegra em anexo.