Saltar para conteúdo

Intervenções

2020-10-02 às 12h40

Intervenção do Ministro da Administração Interna na Cerimónia de Entrega das Espadas aos novos Oficiais da GNR

Este é um momento solene e simbólico, que ficará marcado nas vossas vidas, partilhando justamente aquilo que foram cinco anos de dedicação, sonho e também de dificuldades, de momentos de desânimo, de sentido de sacrifício que, com estoicismo e capacidade técnica, científica, física, e de afirmação de valores, souberam superar até chegar a este dia.

Este é o dia em que queria realçar o quanto representa este momento para a Guarda Nacional Republicana. O quanto representa para as vossas famílias e amigos que, como foi referido pelo vosso porta-voz nesta cerimónia, foram o vosso suporte e o vosso incentivo. E que continuarão a ser a partir deste momento em que recebem, em nome de Portugal, esta espada, símbolo de comando, de capacidade de liderança e de afirmação dos valores que fundamentam o prestígio da Guarda Nacional Republicana e a confiança que nela têm os portugueses.

Se este dia é muito importante para vós e nunca sairá da vossa memória, este 25.º Curso não é apenas mais um curso que acresce àqueles que o antecederam. Ele decorreu em circunstâncias muito especiais e superou, na sua parte final, aquilo que é um dos maiores desafios na vida de todos nós. Vivemos um tempo de desafio para todos os portugueses, um desafio para a afirmação dos valores do Estado de Direito Democrático. Um desafio que a Guarda Nacional Republicana também superou, demonstrando estar presente e à altura da confiança dos portugueses.

Leia a intervenção na íntegra em anexo.