Saltar para conteúdo

Intervenções

2021-02-09 às 15h35

Intervenção e apresentação do Ministro de Estado e das Finanças na audição da Comissão de Orçamento e Finanças da Assembleia da República

A terceira vaga da pandemia tem sido muito mais intensa do que o esperado em toda a Europa e em particular em Portugal.

A pandemia tem tido consequências devastadoras e tem exigido de todos um sacrifício e capacidade de adaptação notável.

Queria deixar aqui uma nota de apreço a todos os portugueses e em particular aos nossos profissionais de saúde que têm sido inexcedíveis, neste contexto muito difícil. Mas também aos trabalhadores e aos micro e pequenos empresários que têm conseguido resistir neste contexto muito adverso para a sua atividade.

No ano passado, a pandemia causou a maior queda da economia europeia desde a II Guerra Mundial.

Ainda assim, a evolução da economia em 2020 foi um pouco melhor do que o esperado, devido à evolução do 2.º semestre.

A contração da economia portuguesa de 7,6% superou a estimativa do Governo de 8,5% e da Comissão Europeia de 9,3%.

No último semestre de 2020, e depois da extraordinária recuperação no 3.º trimestre, a economia estabilizou no 4. trimestre conseguindo registar um ligeiro crescimento apesar da segunda vaga da pandemia.»

Leia a intervenção na íntegra