Saltar para conteúdo

Comunicados

2020-09-25 às 20h10

Oferta de alojamento para estudantes reforçada no ano letivo de 2020/2021 com mais 2400 camas a preços regulados


Reforço de mais 16% na oferta de alojamento estudantil face ao ano passado

Estão já intervencionadas 780 camas previstas para 2020 no Plano Nacional para o Alojamento no Ensino Superior


No ano letivo que agora começa, estima-se estarem disponíveis 18.455 mil camas destinadas a alojamento estudantil no Ensino Superior. Trata-se de um reforço efetivo de mais 2.400 camas em relação ao ano letivo anterior (2019/2020), onde estavam disponíveis 15.965 camas (ver tabela 1 em anexo).

Estes valores têm em conta já as adaptações que foram recomendadas pelas autoridades de saúde, que levaram à supressão provisória de 2.218 lugares nas residências de estudantes das instituições de ensino superior (uma redução média na ordem dos 15%). Assim, foram encontradas soluções alternativas que permitiram um acréscimo de mais camas destinadas a estudantes deslocados, resultantes de protocolos com autarquias, associações turísticas e outras instituições privadas e sociais, que se traduziu num reforço efetivo de mais 16% de camas, a preços regulados, face ao ano letivo anterior.

Consulte o comunicado na íntegra em anexo.