Saltar para conteúdo

Comunicados

2021-01-06 às 16h50

219 famílias apoiadas em Alijó e Paredes no âmbito do 1.º Direito

O Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) assinou hoje dois Acordos de Colaboração com os municípios de Alijó e Paredes para as respetivas Estratégias Locais de Habitação no âmbito do Programa 1º Direito.

A Estratégia Local de Habitação (ELH) do Município de Alijó identifica 193 agregados familiares e condições indignas, sendo que destas, 168 são salvaguardadas através do Acordo de Colaboração e 25 serão propostas para apoio direto. 

No caso do município de Paredes, a ELH vai ser promovida em duas fases, sendo que nesta primeira estão já identificados 26 agregados familiares, a apoiar através do Acordo de Colaboração, estando em curso a identificação das restantes carências habitacionais da população, trabalho que foi prejudicado devido à pandemia. 

Estes acordos foram homologados pela secretária de Estado da Habitação, Marina Gonçalves, e pelo secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Jorge Botelho, correspondendo a um montante global de investimento de 7.509.864,14 euros. As modalidades de soluções habitacionais previstas passam por: construção de prédios ou empreendimentos habitacionais (Paredes), e reabilitação e aquisição de frações ou de prédios degradados e subsequente reabilitação dos mesmos (Alijó). 

Alijó e Paredes juntam-se assim aos municípios de Arruda dos Vinhos, Lisboa, Almada, Oeiras, Matosinhos, Évora, Lousada, Loulé, Porto e Funchal, que têm também as suas Estratégias Locais de Habitação já aprovadas. São já mais de 11 mil famílias abrangidas pelos acordos assinados, às quais acrescem mais cerca de cinco mil famílias que podem aceder como beneficiários diretos ou através de IPSS, cooperativas, etc. 

Integrado na Nova Geração de Políticas de Habitação (NGPH), o programa 1.º Direito, prevê a promoção de soluções habitacionais para 26 000 famílias com condições habitacionais indignas. 
Tags: habitação