Saltar para conteúdo

Comunicados

2019-02-14 às 18h26

IEFP, APHORT e hotéis 5 estrelas reforçam aposta na Formação e Emprego

O Instituto de Emprego e Formação Profissional - IEFP, a Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo - APHORT e oito hotéis de excelência do norte do país assinaram hoje um acordo de cooperação para a concretização de um projeto-piloto designado "Aprendizagem dá emprego". O acordo visa promover a qualificação do emprego jovem em unidades hoteleiras de referência, através da formação de dupla certificação proporcionada pelos Cursos de Aprendizagem, direcionados para jovens entre os 15 e os 24 anos que pretendam completar o 12.º ano e obter, ao mesmo tempo, uma certificação profissional.

Os Cursos de Aprendizagem distinguem-se por terem uma componente profissionalizante muito forte, somando à certificação escolar uma componente tecnológica e prática em contexto real de trabalho e tendo por isso condições favoráveis de aproximação dos jovens ao mercado de trabalho.

No âmbito deste projeto piloto, as unidades hoteleiras vão participar ativamente nas componentes tecnológica e prática dos Cursos de Aprendizagem. Assim, numa estreita colaboração entre as unidades hoteleiras e o IEFP na adequação do currículo de formação às necessidades das empresas, este projeto vai permitir que as empresas colaborem no desenho e na operacionalização da formação. Na prática, o que isto significa é que, além da componente de formação em contexto de trabalho, haverá 90 horas de formação que será desenhada à medida de cada um dos hotéis participantes.

No quadro do projeto "Aprendizagem dá emprego" está já programada a constituição de dois grupos de formação cujo processo de recrutamento dos formandos vai iniciar-se no curto prazo: um para a saída profissional de Técnico de Cozinha/Pastelaria e outro para a saída profissional de Técnico de Restaurante/Bar, cada um com a duração de três anos.

Nesta parceria estratégica, caberá ao IEFP assegurar o recrutamento e a seleção de candidatos, bem como a componente de formação escolar e tecnológica (em ambos os casos em articulação com as unidades hoteleiras e com a APHORT), garantir o pagamento dos apoios sociais previstos no regulamento específico dos Cursos de Aprendizagem e promover ações de formação pedagógica para os tutores designados em cada hotel. Por outro lado, caberá à APHORT a identificação das unidades hoteleiras parceiras, estando já acordada a participação de oito hotéis, bem como a disseminação junto dos seus associados dos Cursos de Aprendizagem, no sentido de alavancar esta parceria dentro do setor. A APHORT compromete-se ainda a garantir, através dos seus associados, uma taxa de empregabilidade de pelo menos 80% dos formandos que concluam com sucesso os cursos de aprendizagem, devendo a contratação ter uma duração mínima de um ano.

Por outro lado, os hotéis ficam responsáveis por atribuir, durante o terceiro ano dos cursos de aprendizagem, uma "Bolsa de Profissionalização" correspondente a 50% do valor da retribuição mínima mensal garantida.

A concretização do acordo visa também responder às necessidades de mão-de-obra qualificada e permite também exercer a profissão num dos setores que mais tem crescido e contribuído para o crescimento da economia nacional.

Leia o comunicado na íntegra em anexo.