Fundo Revita, 17 julho 2017
 
2017-07-17 às 17:17

FUNDO REVITA ASSINA DOIS PROTOCOLOS PARA MAXIMIZAR RECONSTRUÇÃO APÓS INCÊNDIO DE PEDRÓGÃO GRANDE

O Fundo Revita, presidido pelo Instituto de Segurança Social (ISS), assinou dois protocolos de colaboração para otimizar o apoio às populações e a revitalização das áreas afetadas pelo incêndio de Pedrógão Grande, ocorrido no dia 17 de junho.

Os protocolos foram assinados entre o ISS e a Cáritas Diocesana de Coimbra, e o ISS e a União das Misericórdias Portuguesas e a Fundação Calouste Gulbenkian.

A Secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim, homologou os dois protocolos, cuja assinatura teve lugar no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em Lisboa.

Gestão eficiente dos donativos e apoios

A Cáritas Diocesana de Coimbra, a União das Misericórdias Portuguesas e a Fundação Calouste Gulbenkian foram três entidades que contribuíram ou receberam expressivas manifestações de solidariedade da sociedade civil na sequência do incêndio de Pedrógão Grande.

Estas manifestações concretizaram-se na atribuição de donativos destinados a repor as condições de vida das populações dos concelhos de Castanheira de Pêra, Figueiró dos Vinhos, Pedrógão Grande, Sertã, Penela, Góis e Pampilhosa da Serra.

Importa, pois, concretizar a atribuição dos donativos, fazendo uma gestão eficiente dos mesmos para que os apoios cheguem às populações no mais curto espaço de tempo.

Os protocolos assinado promovem também a de troca de informações mútua com interesse para o desenvolvimento das intervenções a efetuar.

 

Foto: Secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim, homologa protocolos entre o Instituto de Segurança Social (Funfo Revita) e  Cáritas Diocesana de Coimbra, e o ISS e a União das Misericórdias Portuguesas e a Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, 17 julho 2017

Tags: segurança social, solidariedade, Interior, IPSS, incêndios

INTERVENÇÕES

DOCUMENTOS

COMUNICADOS

CONTACTOS

Entrar em contacto