Cooperação na saúde, 10 julho 2017
 
2017-07-10 às 16:41

PORTUGAL E ESPANHA REFORÇAM COOPERAÇÃO NA ÁREA DO MEDICAMENTO

O Ministro da Saúde de Portugal, Adalberto Campos Fernandes, e a Ministra da Saúde, Serviços Sociais e Igualdade de Espanha, Dolors Montserrat, apresentaram, em Madrid, uma iniciativa com o objetivo de aumentar a cooperação entre os dois países e reduzir o preço dos medicamentos.

«Os doentes e os cidadãos portugueses e espanhóis têm a possibilidade de adquirir medicamentos mais baratos de igual qualidade», referiu Adalberto Campos Fernandes, destacando a iniciativa que vai selecionar um medicamento como prova piloto para desenvolver um procedimento comum de compra para os dois países.

«Não se trata apenas de um objetivo de poupança, trata-se de libertar recursos que são escassos, para que com estas poupanças os dois países possam aceder a mais fármacos, mais inovação terapêutica, repartindo esse benefício com o consumidor», acrescentou.

A cerimónia foi marcada pela assinatura de uma declaração de intenções que marca o início de negociações centralizadas de medicamentos. «A partir de agora vamos trabalhar numa cooperação estruturada que será uma oportunidade para realizar melhorias na saúde de 60 milhões de habitantes», disse Adalberto Campos Fernandes.

O documento assinado incide no financiamento e na fixação de preços de medicamentos e outras tecnologias de saúde, na partilha de informações e na elaboração de documentos técnicos nestas áreas.

 

Foto: Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, e Ministra da Saúde, Serviços Sociais e Igualdade de Espanha, Dolors Montserrat, assinam protocolo que reforça cooperação na área do medicamento, Madrid, 10 julho 2017

Tags: medicamentos, saúde, cooperação, espanha